quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Natal... pelos nossos "pequenos" poetas (I)

O Meu Poema de Natal

Lá vem o Pai Natal
Carregado de prendinhas
Traz o principal
Para agradar às criancinhas!

Pensou em toda a gente
Pôs no saco alegria e amizade
Vai distribuir, muito contente,
Paz, amor e bondade!

As crianças dão as mãos
Em símbolo de união
Lembram-se dos seus irmãos
Que noutros Continentes estão!

Todos os países do mundo
Se unem para festejar!
É importante valorizar
Todos os sentimentos, a fundo!

É o momento do ano
Em que todos nos juntamos
Para dar valor
Ao amor que festejamos!

Uma estrela brilha no céu
Representa a alegria
De toda a gente que sente
Jesus na sua companhia!

Marta Sofia, nº 21, 5º D

5 comentários:

Anónimo disse...

Muito bem , Marta !

Lindo poema. Parabéns !

Prof. António disse...

Sabes Marta,um bom poema é aquele que dá a impressão que nos está a ler a nós e não nós a ele...
Por isso, aqueles que construímos ou que escolhemos reflectem um pouco daquilo que nós somos.
E este revela-nos que deves ser uma rapariga com muita sensibilidade.

CLUBE DAS LÍNGUAS VIVAS disse...

Mas que bonito, Marta! Parabéns!

Esperamos que continues a sentir deste modo ao longo da tua vida.

Um beijo e votos de um óptimo 2008!

Anónimo disse...

Boa Martinha eu e a minha familia adoramos o teu poema.continua assim e seras um grande poeta.

Ana Raquel disse...

bonito trabalho martinha continua assim