sábado, 29 de dezembro de 2007

Natal... pelos nossos "pequenos" poetas (IV)

O Meu Poema de Natal

Neste Natal,
Não posso esquecer
Dar um gesto de amizade
Aos que estão a sofrer.

Neste Natal,
Gostaria de houvesse Paz,
E que acabasse a tristeza,
E que todos os meninos
Tivessem de comer à mesa.

Natal é a festa da família,
Da vinda do Pai Natal,
E dos doces da avó Emília.

Natal é esperança,
Mudança,
Brinquedos,
E de acabarem os medos.

Eu adoro o Natal.

José Manuel Sampaio – 5º D

3 comentários:

Prof. Máximo Afonso disse...

Olá Zé Manel:

Finalmente um rapaz a demonstrar que, afinal, na vossa escola não existem apenas poetisas.

Parabéns e continua, até por que tens nome de 2 presidentes: o da actual Comissão Europeia e de um ex-Presidente da República :):)

CLUBE DAS LÍNGUAS VIVAS disse...

Boa noite, José Manuel :-)

Muito nobres estes teus desejos...

Parabéns! Um lindo poema e um lindo coração. :-)

Desejamos que tenhas um excelente Ano Novo!

Anónimo disse...

magnifico zé ....