quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

O mar...

O mar

Se eu fosse o mar,
Dar-te-ia a minha mão
E arrastar-te-ia comigo
Para bem longe
Para ninguém nos encontrar.

Se eu fosse o mar,
Molharia o teu corpo
Para não secares
Do meu amor.

Ana Luísa, nº2, 7ºB

5 comentários:

MargaridaRita disse...

Ana Luísa, como estou contente por ver que, pouco a pouco as "sementes" que foram lançadas, começam a germinar e delas nascem lindos, lindíssimos textos, uns com uma linguagem já bem poética, outros no caminho certo para a atingir. Parabéns, Ana Luísa. O Professor Paulo, teu actual professor de Lingua Portuguesa, deve sentir-se feliz e até orgulhoso, por ter tantos alunos e alunas que , quem sabe, um dia serão grandes escritores.
Parabéns. Continua a "brincar com as palavras" e a poesia, nascerá.
Um beijo da ex-profª,que gosta muito de vós, MargaridaRita.

CLUBE DAS LÍNGUAS VIVAS disse...

Boa noite, Ana Luísa :-)

Aqui temos um excelente exemplo de como, com palavras singelas, podemos fazer um belo poema.

Lindíssima a última estrofe!

Parabéns!

Prof. Cipriano disse...

Muito, muito bem Ana Luísa!!!

Belo poema, que nenhum adulto desdenharia :)

Joana Francisca disse...

Parabéns, Luisa pelo teu primeiro poema.
Que seja este o primeiro de muitos outros.

Sofia 7ºB disse...

Parabéns Luísa!!! Não sabia que tinhas tanto jeito para a poesia!!! Continua a escrever!!!
Beijos Sofia 7ºB