quarta-feira, 28 de maio de 2008

À Primavera que tarda...

Agora

Abre-te, Primavera!
Tenho um poema à espera
Do teu sorriso.
Um poema indeciso
Entre a coragem e a covardia.
Um poema de lírica alegria
Refreada,
A temer ser tardia
E ser antecipada.

Dantes, nascias
Quando eu te anunciava.
Cantava,
E no meu canto acontecias
Como o tempo depois te confirmava.
Cada verso era a flor que prometias
No futuro sonhado...
Agora, a lei é outra: principias,
E só então eu canto confiado.

Miguel Torga

7 comentários:

Profª Matilde disse...

Torga tem um poema à sua espera.

Nós, estamos todos ansiosos por ela...

Prof. Cipriano Algor disse...

Voltei aqui e continuo a gostar imenso.

Continuem!

Anónimo disse...

ola eu vim dar uma ideia para este blog magnifico e se voces metessem
fotos do dia a dia dos alunos ;videos sobre a nossa escola etc .
xau e boa tarde.

Anónimo disse...

gostam da minha ideia?

CLUBE DAS LÍNGUAS VIVAS disse...

Boa tarde, "anónimo" :-)

A ideia é óptima só que não nos parece muito viável...
Nem toda a gente gosta de ver as suas fotografias publicadas :-(
Por isso, precisaríamos de pedir autorização aos fotografados.
Talvez na última semana de Junho, durante o "Saber Q.B." se faça isso.

Obrigado pela sugestão.

Um abraço.

Profª Eufémia disse...

Embora muito atarefada neste fim de semana, não quis deixar de vos vir visitar.

E, mais uma vez, o fiz em boa altura.
Lindo poema.

Anónimo disse...

ok obrigada gostava mt que metessem fotos do saber q b.
as turmas que participaram, as suas claques , a turma que ganhou no 5 e 6 ano e as claques que ganharam.xau e ate a uma proxima.